Exactamente há 43 anos!

 

 

Lembram-se de que no post “varinha mágica” me queixava da falta de algumas ferramentas, (para mim indispensáveis) aqui na minha kitchenette? Não é que ontem dei por falta de outra?! Exactamente, também não tem uma batedeira! Não exigia uma Kenwood e muito menos uma Bimby, mas apenas uma daquelas elementares para bater claras ou fazer um elementar bolinho de yogurt. E porque senti eu falta da batedeira? Porque senti falta de um bolinho caseiro!

Claro que nos supermercados não faltam, de todos os feitios e sabores, mas francamente não são a mesma coisa. Nas pastelarias (se lhe podemos chamar assim) a oferta de variedade não é muita e ao meu paladar parecem-me todos iguais. Sim, se esta gente entrasse na Suíça do Rossio ou mesmo numa pastelaria de Bragança e provasse aquelas delícias é que ficariam, então, a saber o que é bom! Mas como o que não se sabe não se sente e neste caso quando não se provou não se pode ter saudades… eles continuam a deliciar-se com os seus donuts e outros que tal.

Mas o que tem isto a ver com o título deste post? Tem, porque foi precisamente há 43 anos que tivemos a primeira batedeira eléctrica, uma Bosch vinda da Alemanha e daí para cá nunca mais batemos um bolo à mão! Porém, passados todos estes anos aqui estou eu deste lado do Atlântico a fazer um à maneira antiga, em gíria da gente nova a fazê-lo “ à manivela” e neste caso concreto bater com aquelas varetas emita bem o movimento da mesma! Bom, mas também não foi propriamente à antiga porque comprei a mistura no supermercado e depois  foi  só juntar ovos e leite… Claro que continua a não me satisfazer plenamente como seria com o tal bolo de yogurt, mas o que acontece ainda? As ferramentas da minha kitchenette também não contempla uma balança logo, tenho que comprar os ingredientes já pesados e misturados e com os sabores que bem entenderam adicionar-lhe! Quanto à forma, comprei descartavel.

 Desta primeira vez escolhi o bolo de mármore!

Vejam agora o resultado que aparentemente não é mau.

 

 

publicado por naterradosplatanos às 00:05 | link do post