As lições de inglês e Van Gogh…

 

Ainda aqui não tinha dito que finalmente encontrei onde ter apenas aulas de conversação em Inglês, não é que já não precise de estudar gramática mas francamente, já não me apetecia! Assim todos os dias das 3 às 4 lá estou eu numa turma em que a maioria é de hispânicos embora também tenha alguns canadianos que vindos da Escola com ensino em Francês precisam de melhorar o inglês por motivos profissionais.

 

 Aqui no Quebec nem tudo é democrático, ora vejamos: filho de imigrante ou filho de pai e mãe quebequenses e que como tal todo o seu percurso escolar tenha sido feito em francês não podem matricular os filhos numa escola pública de ensino em inglês ( amandement 101 da lei fundamental do Quebec). E como nem todos os pais podem comportar ensino privado em inglês o resultado é que a maioria quando sai da escola não domina perfeitamente a língua de  Shakespeare, mesmo que adulterada pelo passar dos tempos…há pois que a aprender por fora.

 

Mas que tem a ver o Van Gogh com tudo isto? Com a situação que acabo de descrever não tem absolutamente nada, só que hoje a nossa aula de conversação começou a partir deste lindíssimo vídeo que abaixo vos deixo. Vejam-no, ouçam-no e meditem.

 

 Com certeza concordarão que a Van Gogh também se pode aplicar o que  Camões escreveu  “e aqueles que por obras valerosas se vão da lei da morte libertando”, já que morreu pobre sem ninguém dar valor às suas obras que hoje valem milhões!

 

 
publicado por naterradosplatanos às 00:40 | link do post | comentar